domingo, 30 de outubro de 2011

FUTSAL NO PAN 2015

Fonte: CBFS

O futsal foi confirmado como modalidade Pan-Americana para edição dos Jogos de Toronto (Canadá) em 2015. Em evento realizado neste sábado (29/10), em Guadalajara, os organizadores da próxima edição da competição continental confirmaram o esporte entre os que estarão no evento. De acordo com Allen Vansen, vice-presidente de operações do Comitê Organizador do Pan-2015, a programação final do evento só será definida após uma reunião com a Odepa (Organização Desportiva Pan-Americana) daqui a dois meses. Mas os esportes que fizeram parte do Pan do Rio, em 2007, estão garantidos.

No site oficial do evento (toronto2015.org) já, inclusive, consta o local em que será disputada a modalidade: Centro Goldring para Esportes de Alto Rendimento.

O presidente da Confederação Brasileira de Futsal (CBFS), Aécio de Borba Vasconcelos, festejou a inclusão no programa pan-americano. “É uma vitória para todos os salonistas. Esta é uma luta que vem se arrastando há mais de 20 anos”, destacou o dirigente. Aécio de Borba Vasconcelos falou sobre as conseqüências que podem levar a inclusão do futsal no Pan. “Isto abre enormes perspectivas para que o futsal seja incluído no programa olímpico. Sobretudo pelas promessas feitas pela Fifa (entidade que rege a modalidade mundialmente) e pelo COI (Comitê Olímpico Internacional)”, revelou o presidente da CBFS.

O futsal, que no Rio de Janeiro, em 2007, fez a sua estreia no Pan e que foi excluído dos Jogos de Guadalajara, volta a ser um esporte pan-americano. Na única ocasião em que a modalidade foi disputada nos jogos continentais, o Brasil levou a melhor e conquistou a medalha de ouro, com a Argentina ficando com a prata.

domingo, 23 de outubro de 2011

RELAÇÃO PREPARADOR FÍSICO E ATLETA

Há aproximadamente um mês escrevi um texto falando sobre a relação entre preparador físico e o treinador, este texto rendeu muitos comentários e mensagens de profissionais da área na grande maioria concordando com os temas abordados, seguindo a mesma linha e pensamento o texto de hoje aborda a complicada e importante relação entre preparador físico e atleta.
Após quase sete anos de profissão tive a oportunidade de conhecer vários preparadores e suas linhas de trabalho, assim como no treinamento desportivo na posição de comando e liderança não existem apenas certezas, algumas atitudes e forma de conduzir o elenco são extremamente particulares, porém em resumo encontramos dois tipos principais de preparadores físicos, aqueles que seguem a linha autoritária ou os que trabalham com a linha mais amigável e flexível.

Ambas as formas de conduta podem ter resultado positivo, o que vai definir a maneira certa de agir é principalmente o perfil do elenco e dos profissionais da comissão técnica. Darei alguns exemplos para ilustrar a teoria, quando trabalhamos com grupos jovens, composto por jogadores que subiram da categoria de base e/ou atletas sem grande maturidade é essencialmente importante que o perfil de liderança seja mais rigoroso e autoritário, assim conseguimos manter o controle do elenco e também a liderança exercida.

Porém quando conduzimos um grupo homogêneo composto por atletas experientes e com grandes responsabilidades tanto em sua vida pessoal como profissional podemos manter uma relação de proximidade e sermos um pouco mais flexíveis que os resultados geralmente são positivos, no entanto essa linha é mais perigosa que o estilo autoritário, pois, tem que estar bem claro para o elenco quem é o comandante e também aonde termina a relação de amizade e inicia a relação profissional. Acredito que seja importante fazermos sempre aquilo que pensamos ser o correto, em hipótese alguma desrespeitar o atleta por maior que seja a cobrança, encontre formas para motivá-lo e pressioná-lo sem ofendê-lo. Muitos profissionais são radicais e acreditam na teoria que os atletas em geral são preguiçosos e procuram sempre mordomia, De qualquer maneira tenha sempre bom senso, não torne esse pensamento uma regra para o seu dia-a-dia, seja flexível, saiba ouvir, mesmo não mudando aquilo que estava planejado tenha a hombridade para ouvir o que o elenco tem a dizer.

Na teoria aprendemos e colhemos todas as informações necessárias sobre treinamento esportivo, fisiologia entre outros temas requeridos em nossa profissão, porém dificilmente os profissionais estudam e preparam-se no quesito liderança de grupo, afinal vivemos um sistema cooperativo aonde a vitória e sucesso da equipe é o objetivo comum e consequentemente as pessoas envolvidas iram atingir seus objetivos particulares, no entanto as metas pessoais não podem estar na frente do coletivo. Por isso analisem suas ações, atitudes e falas, afinal o grande segredo não está em evitar problemas e sim em resolve-los da melhor maneira, pois tanto na vida como em nossa profissão os problemas e empecilhos as vezes são inevitáveis.

SELEÇÃO: Lukaian e Simi são campeões do Grand Prix com a seleção.

Colaboração Juliano Del Manto

A Seleção Brasileira é campeã do 7º Grand Prix de Futsal. Neste domingo (23/10), na Arena Amadeu Teixeira, em Manaus (AM), o time verde e amarelo fez uma final difícil contra a Rússia e, depois de um empate por 1 a 1 no tempo normal, venceu a prorrogação por 1 a 0 e comemorou a reconquista da competição.
Os atletas do São Caetano/Corinthians/UNIP, Simi e Lukaian, foram peças fundamentais na conquista do título. Lukaian foi o artilheiro da seleção com 7 gols em 5 jogos, confirmando o seu ótimo momento.

A Seleção Brasileira começou melhor. Com mais posse de bola, o time encurralou a Rússia, que só se defendia. As primeiras chances foram criadas por Simi, que quase marcou de calcanhar, e em chutes de longa distância, principalmente com Neto e Jackson. O gol só não saiu por causa do goleiro Gustavo, que é brasileiro naturalizado russo e segurou o empate.

Depois da metade do período, os russos conseguiram atacar mais. E, eficientes, conseguiram abrir o placar aos 11min31, quando Sergeev chutou de longe e Abramov desviou. No primeiro lance, Tiago fez boa defesa, mas a bola ficou com o russo, que tocou para as redes e pôs o time vermelho em vantagem.

O gol não abateu a Seleção, que continuou melhor e criando chances. O problema é que os brasileiros esbarravam nos erros de finalização, no goleiro Gustavo e até na trave, que foi acertada em chute de Valdin. Depois, a trave passou de vilã a salvadora quando o Pula tocou e a bola bateu no poste antes de ser afastada pela defesaNo segundo tempo, a Seleção não mudou o estilo de jogar e continuou pressionando muito. Neto e Valdin eram os principais articuladores das jogadas e, em cobrança de escanteio, o fixo cobrou por cima, o goleiro Gustavo saiu errado e o ala tocou de cabeça, mas para fora. Aos 24min11, a dupla voltou a aparecer e, desta vez, com sucesso. Neto tocou rasteiro e Valdin desviou para empatar.

Mais de dez mil pessoas lotaram a Arena Amadeu Teixeira e comemoraram muito o gol brasileiro. E foi com essa atmosfera que a Seleção buscou o empate, mas um jogador da Rússia continuou a impedir nova comemoração. Gustavo, com grandes defesas, segurou o poder ofensivo brasileiro e manteve o 1 a 1 no placar, levando o jogo para a prorrogação.

Em um filme mais que repetido, Gustavo continuou a segurar o ataque brasileiro na prorrogação. Mas, aos 45min54, Falcão, que não marcava há três jogos, recebeu lançamento pelo alto e desviou de peito, virando o jogo e explodindo a Arena Amadeu Teixeira. Imediatamente, a Rússia lançou Sergeev como goleiro-linha. Apesar da pressão, os russos não furaram a defesa brasileira, e o time canarinho conseguiu reconquistar o troféu.

SELEÇÃO: Com dois gols de Lukaian, Brasil vence o Irã

O atleta do São Caetano/Corinthians/UNIP, Lukaian, foi o grande destaque do Brasil na vitória diante do Irã na semifinal do 7º Grand Prix de futsal. A seleção brasileira venceu o jogo por 4 a 1 e o atleta alvinegro marcou duas vezes, chegando aos 7 gols em 4 jogos. Na grande final, o Brasil enfrenta a Rússia, que pela primeira vez chega à uma final de Grand Prix. O jogo será neste domingo (23) às 10h no horário de Brasília.

sexta-feira, 21 de outubro de 2011

SELEÇÃO: Simi é o grande destaque da vitória brasileira

Colaboração Gilberto Santos e Juliano Del Manto

O ala/pivô Leandro Simi, titular da seleção brasileira de futsal, esteve em quadra nesta quinta-feira (20), e abriu o caminho para mais uma vitória no 7º Grand Prix. Jogando em Manaus (AM), o Brasil venceu o Uruguai pelo placar de 12 x 0, e se garantiu em uma das semifinais da competição.
Leandro Simi balançou as redes com pouco mais de nove segundos jogados da primeira etapa. Os adversários não exigiram tanto do sistema defensivo, o que facilitou as jogadas de ataque por parte do time brasileiro. O craque, que até então não havia marcado, anotou em mais duas ocasiões. “Eu não me lembro de um começo de jogo tão bom assim. Não só meu, mas principalmente de toda a equipe. Nós sabíamos que o time iria crescer e entramos bem concentrados para esta partida. Aqueles três gols logo de cara deram uma tranquilidade muito grande, que acabou resultando na goleada”, analisou o jogador alvinegro.

Rodrigo, ala do Carlos Barbosa (RS), também foi outro destaque do clássico com três tentos anotados. O placar foi finalizado com gols de Lukaian, Neto, Valdin, Carlinhos e Fernandinho.

Após mais este triunfo, o selecionado brasileiro encara o Irã, às 19h (horário local - 21h horário de Brasília), na Arena Amadeu Teixeira. A partida terá transmissão ao vivo pelo Canal SporTV. A outra semifinal será entre Rússia e Argentina.

terça-feira, 18 de outubro de 2011

SELEÇÃO: Atletas do Timão jogam bem e a seleção vence mais uma

Colaboração Juliano Del Manto

A seleção brasileira de futsal conseguiu mais um triunfo ao derrotar nesta segunda-feira (18), a frágil seleção de Angola por 10 a 1. Os atletas do timão Lukaian e Simi tiveram boas apresentações e participaram de vários lances ofensivos do Brasil. Lukaian marcou dois gols, enquanto que Simi se movimentou muito e concedeu ótimos passes aos companheiros. O conjunto verde e amarelo lidera o grupo A com 6 pontos e precisa de um empate diante da Holanda para garantir vaga na próxima fase. O duelo contra os laranjas será nesta terça-feira, às 19h horas (horário local – 21 horas no horário de Brasília).

segunda-feira, 17 de outubro de 2011

TREINAMENTO FUNCIONAL

Colaboração David Cardoso

O treinamento funcional se refere a um novo tipo de treinamento que segue alguns princípios biológicos, tidos como indispensáveis pela literatura, e embasado cientificamente por pesquisas com a finalidade de desenvolver os movimentos e não apenas grupos musculares.

video
Os movimentos que pertencem a este tipo de treinamento procuram desenvolver e adaptar a pessoa a utilizar de forma positiva o ambiente ao qual o indivíduo está inserido, ou seja, procura desenvolver movimentos em vários planos, atingindo o maior número de articulações e músculos sejam eles profundos, mais superficiais e estabilizadores, além das estruturas proprioceptivas.

O treinamento funcional procura atender às exigências impostas por leis, que chamamos de princípios biológicos e devem ser sempre colocados dentro de qualquer tipo de treinamento afim de evitarmos erros, ocorrência de lesões, overtraining entre outras consequências que o exercício pode acarretar. Dentre estes princípios, um dos mais importantes, é o que chamamos de princípio da especificidade, ou seja, qualquer que seja a atividade a ser realizada ela deve se aproximar ao máximo da realidade na qual, o ser está sujeito a passar. Quanto mais próximo ele treinar situações e ações que sejam muito parecidas com as que encontrará na prática, o desenvolvimento que procuramos se torna mais próximo e positivo.
Dentro desta variação de treinamento temos dois tipos de movimentos, extremamente utilizados, que são chamados de movimentos de cadeia aberta e de cadeia fechada. Os exercícios de cadeia aberta são aqueles no qual o segmento que vai ser utilizado o faz de forma livre, ou seja, não há resistência para sua movimentação assim apenas uma articulação é utilizada; já na cadeia fechada o segmento encontra uma resistência externa que impede sua movimentação livre. Como exemplo de movimentos de cadeia aberta e fechada temos o chute na bola e a flexão de braço, respectivamente.

Este tipo de treinamento deve de todas as formas desenvolver as variáveis que estão presentes na modalidade ou atividade que as pessoas praticam. Portanto a força, resistência seja ela cardiovascular ou muscular, velocidade, flexibilidade, coordenação motora, lateralidade e equilíbrio podem ser atingidas de forma global, de forma que elas possam se desenvolver conjuntamente devido ao movimento ser o principal objetivo da ação e não apenas um grupo muscular. Assim este tipo de treinamento auxilia de forma positiva na melhora das valências que procuramos desenvolver, melhorando ainda o repertório motor e coordenação motora além de possibilitar ganhos de movimentos e situações a serem guardados pelo nosso Sistema Nervoso que poderiam surpreender nosso organismo no dia-a-dia e nos levar à ocorrência de lesões, desconfortos e dores.

METROPOLITANO: Desfalcado Timão joga nesta terça

Colaboração Juliano Del Manto

Após o fim de semana de descanso, a equipe principal do São Caetano/Corinthians/UNIP se apresentou na manhã desta segunda-feira (17), no ginásio do Parque São Jorge. O elenco trabalhou em dois turnos. Pela manhã, o preparador físico Mauro Sandri, intensificou a parte física e à tarde, o técnico PC, realizou trabalhos com bola.
O timão entra em quadra nesta terça-feira (18) pelo Metropolitano. Os alvinegros enfrentam o TCP/Novo Desporto Universitário, às 19h30, no ginásio do clube. Na competição regional, os alvinegros ocupam o 7º lugar com 3 pontos ganhos, porém com jogos a menos que os adversários.

Como os alvinegros focam todas as atenções para a semifinal da Liga Futsal, o técnico PC escalará uma equipe mista, já que não conta com três peças importantes do Elenco. Lukaian e Simi defendem a seleção brasileira no Grand Prix de Futsal, enquanto que o ala Alemão está disputando amistoso com a seleção espanhola.

quinta-feira, 13 de outubro de 2011

PROPRIOCEPÇÃO NO TREINAMENTO ESPORTIVO

Colaboração David Cardoso

A propriocepção, segundo Ribeiro (2006), é a relação entre as capacidades motoras que possibilitam a relação do organismo com o meio ao qual ele está inserido, através do tato se torna possível ao Sistema Nervoso enviar informações aos órgãos sensoriais presentes nos músculos , articulações, tendões e ligamentos. A partir de exercícios que estimulem o desequílibrio, favorecemos condições ideais de velocidade do movimento corporal e a sensibilidade do movimento que orienta os membros no espaço. Assim a integração do Sistema Nervoso Central e os músculos se desenvolve e possibilita ao indíviduo responder de forma rápida aos deslocamentos e ações exigidas.

Na maioria das modalidades esportivas é de grande importância fazer com que os atletas tenham controle sobre seus corpos e adaptá-los a qualquer situação diferente que estes possam encontrar. Quanto maior as exigências do movimento, mais se torna importante que o cérebro esteja desenvolvido para responder através de seu repertório adquirido pelas vivências motoras; favorecendo aprimorar combinações para manter a coordenação motora e o controle motor. Os exercícios proprioceptivos a serem realizados devem priorizar os desequílibrios, para dessa forma permitir o envio de estímulos dos órgãos proprioceptores ao Sistema Nervoso, como exemplo temos a mudança do comprimento da fibra muscular que é avaliada pelos OTGs (órgãos tendinosos de Golgi) órgãos proprioceptivos, que preparam o corpo de forma mais funcional à especificidade da ação a ser executada, melhorando assim a relação neuro-muscular (Sistema Nervoso e músculos).

Além de toda a importância citada anteriormente, a propriocepção nos auxilia e muito na prevenção de lesões, pois através da estimulação dos órgãos proprioceptores e da relação neuromuscular possibilitamos ao indíviduo trabalhar músculos mais profundos que não são estimulados pelos exercícios tradicionais e ainda desenvolvemos os músculos estabilizadores responsáveis por manterem o organismo apto para um novo movimento ou ação inesperada. Portanto a propriocepção possibilita estimular capacidades não desenvolvidas de forma específica pelos exercícios tradicionais e ainda nos auxilia no ganho de repetório motor; favorecendo o organismo do atleta a estar apto à novas experiências e diminuir riscos de ações inesperadas se transformarem em lesões devido a seu organismo não estar preparado para as mudanças no ambiente a sua volta e das ações exigidas.

SELEÇÃO: Lukaian é convocado para disputar o Grand Prix

O pivô do São Caetano/Corinthians/UNIP, Lukaian, foi convocado para a seleção Brasileira de Futsal para disputar o 7º Grand Prix de Futsal, que será disputado em Manaus entre os dias 16 e 23 de outubro. O jogador do timão irá substituir Jé do Santos que foi cortado após uma lesão na coxa. Contente com a novidade o jogador declarou “É sempre um motivo de orgulho defender a seleção brasileira. Espero fazer um bom trabalho para ser lembrado outras vezes”, finalizou o jogador alvinegro. Além de Lukaian, o craque Simi integra a seleção brasileira a o ala Alemão faz parte da seleção espanhola.

O Brasil estréia neste domingo (16), contra a Guatemala, às 8 horas pelo horário local (10 horas – pelo horário de Brasília).

quarta-feira, 12 de outubro de 2011

LIGA FUTSAL: Definidas as datas das semifinais

Fonte: CBFS

As semifinais da Liga Futsal 2011 já têm local e data para ocorrerem. Logo após o confronto entre Carlos Barbosa e Intelli/Orlândia, que definiu o último semifinalista da competição nacional, a Coordenação Operacional do torneio divulgou os locais e horários dos jogos.
Depois da pausa da Liga Futsal para a disputa do Grand Prix de Futsal 2011, que ocorre entre 16 e 23 de outubro na cidade de Manaus (AM), a principal competição do salonismo nacional volta à tona no dia 3/11, data da primeira partida das semifinais.

O confronto marcado para esta data é entre Florianópolis Futsal e Santos/Cortiana, marcado para às 19h do dia 3/11, uma quinta-feira. O confronto irá ocorrer no ginásio Jones Minosso, em Lages, interior catarinense. A partida se realizará no local, pois o ginásio Rozendo Lima não pode receber a semifinal da Liga Futsal por razões técnicas.

No dia seguinte será a vez do SCaetano/CorinthiansUnip
receber a equipe do Carlos Barbosa, a partir das 19h no ginásio do Parque São Jorge, em São Paulo. No dia 7/11, uma segunda-feira, a partir das 19h, o Santos volta a encarar o Florianópolis na Arena Santos, em Santos, litoral paulista.
Três dias depois, quinta-feira (10/11), a partir das 19h, a equipe do Carlos Barbosa irá enfrentar o Corinthians no jogo de volta, no Centro Municipal de Eventos, em Carlos Barbosa (RS). Todas as partidas terão transmissão ao vivo pelo canal SporTV.

CAMPEONATO METROPOLITANO: Garotada do Timão não consegue manter sequência de vitórias

Colaboração Juliano Del Manto

Jogando com a equipe mista, o São Caetano/Corinthians/UNIP perdeu para o Wizrd/Pulo do Gato por 2 a 0 na noite desta terça-feira (11). O duelo foi válido pelo Campeonato Metropolitano 2011 e foi disputado no ginásio Rogê Ferreia, em Campinas (SP). Com a derrota o timão caiu para a terceira colocação com 3 pontos ganhos.
Apesar do resultado negativo, os alvinegros não fizeram uma partida ruim e controlaram o jogo dutante os 40 minutos. Os adversários, mesmo jogando em casa, limitavam-se a se defender e sair em contra-ataques e foi desta maneira que chegaram a
os dois gols. Para o ala Vitinho o resultado não mostra o que foi a partida. "Fomos superiores e apenas nossa equipe jogou. Infelizmente, não concretizamos em gol as oportunidades e fomos castigados nos contragolpes", anualisou o ala.

Faltando 15 segundo para o fim do encontro, o treinador adversário solicitou um pedido de tempo. O elenco alvinegro entendeu como falta de respeito a atitude, já que não havia tempo suficiente para buscar uma retomada e quando o cronometro zerou uma confusão generalizada começou. "Realmente foi lamentável a atitude do treinador do Pulo do Gato, ficou explícito que teve a intenção de menosprezar nossa equipe. Torcemos para que esse tipo de coisa não aconteça mais, já que somos todos profissionais e merecemos respeito”, observou Raphael Roel, um dos preparadores físicos da equipe.

segunda-feira, 10 de outubro de 2011

LIGA FUTSAL: Corinthians x Carlos Barbosa na semifnal

Colaboração Juliano Del Manto

O Carlos Barbosa (RS) é o adversário do São Caetano/Corinthians/UNIP na semifinal da Liga Futsal 2011. Os gaúchos bateram a Intelli/Orlândia por 3 a 2 e conquistaram a última vaga para as semifinais. O primeiro jogo será no dia (04/11), às 19h, no ginásio do Parque São Jorge.

Para o pivô Caio Júnior, uma das boas alternativas para o ataque corinthiano, o duelo será de extrema dificuldade para ambas as equipes. “Trata-se de uma decisão entre duas forças do futsal nacional e os detalhes farão a diferença. Vamos em busca do resultado em casa para ter tranquilidade no jogo decisivo. Desde já queria convocar a nossa torcida para lotar o ginásio e fazer uma festa linda no Parque São Jorge”, finalizou o jogador.

domingo, 9 de outubro de 2011

CAMPEONATO METROPOLITANO: Timão vence o Suzano na estréia

Colaboração Juliano Del Manto

O São Caetano/Corinthians/Unip estreou bem no Campeonato Metropolitano de Futsal. Mesmo atuando sem os principais jogadores, o time alvinegro derrotou o Suzano/Drummond/Penalty por 4 a 1 no ginásio de Esportes Roberto David, em Suzano (SP), e já lidera a chave com três pontos ganhos.

video
Comandado pelo técnico do sub-20, Lucas Chioro, o Corinthians sofreu pressão nos minutos iniciais. Porém, aos poucos, o time alvinegro melhorou e conseguiu criar boas chances. Fio e Fineo tiveram a oportunidade e não desperdiçaram, deixando o placar parcial em 2 a 0.

Na segunda etapa, o Suzano, comandado por Fernando Cabral, criou boas chances, mas parou nas defesas do goleiro Tatá. O arqueiro corintiano só foi vencido em um chute de longe de Bazílio, que deu esperanças de empate ao Suzano.
Pressionando muito, o time da casa estourou o limite de faltas e acabou sofrendo o terceiro gol em cobrança de tiro livre direto feita por Arthur Fon. Depois, Vitinho acertou chute indefensável e fechou a vitória por 4 a 1.

Autor do último gol, Vitinho elogiou a atuação da equipe. “Fomos merecedores da vitória porque controlamos bem o jogo e soubemos suportar os momentos de pressão. A vitória foi importante para demonstrar a todos e a nós mesmos que temos condições de jogar”, analisou o ala corintiano.

LIGA FUTSAL: Corinthians novamente entre as 4 melhores equipes do país

Fonte: globoesporte.com

O Corinthians é o primeiro semifinalista da Liga Futsal. Jogando fora de casa, a equipe do Parque São Jorge derrotou o São José por 3 a 1 e aguarda o vencedor do confronto entre Orlândia e Carlos Barbosa, no dia 10 de outubro. Em São José dos Campos, o Timão precisava apenas de um empate, já que venceu a partida de ida por 2 a 1, mas, seguro, não tomou sustos e conseguiu uma vitória tranquila.

video
Em vantagem, o Corinthians tratou de segurar as ofensivas do São José nos primeiros minutos de jogo, trabalhando a bola para abafar a pressão do adversário. O São José, por sua vez, ia para cima atrás de uma vitória para levar o jogo para a prorrogação.

Pelo lado do São José, Keké encontrava espaço na marcação do Corinthians, mas não conseguia acertar o último toque. Aos 13 minutos do primeiro tempo, ele teve a melhor oportunidade dos mandantes, quando recebeu livre, diante do goleiro, mas mandou para fora.

O Corinthians aproveitava apenas dos espaços para sair no contra-ataque. Aos 15 minutos, após uma boa roubada de bola, Alemão quase abriu o marcador, mas acabou chutando na trave.
Aos 18 minutos, Danilo recebeu um passe em profundidade e ficou sem marcação diante do goleiro do São José e finalizou com perfeição. Com um gol de vantagem, o Corinthians complicava ainda mais a vida do adversário, que precisava de dois gols para levar o jogo para a prorrogação.

Assim como no primeiro jogo, o nível da tensão dos jogadores em quadra estava alto. Deivão e Marcelo Paulista se estranharam e, após uma cabeçada e um tapa, os dois foram expulsos corretamente da partida.

No segundo tempo, o panorama do jogo permaneceu igual. Com boa vantagem, o Corinthians marcava bem e encontrava espaço para atacar. Aos 5 minutos , os visitantes foram premiados outra vez, quando PC recebeu um lançamento preciso e em profundidade de Danilo e, livre de marcação, bateu na saída do goleiro do São José, colocando um pé na semifinal da Liga Futsal.
Guerreira, a equipe do São José não se abateu pelo segundo gol do Corinthians e continuou indo para cima do adversário, sobretudo com as jogadas em velocidade de Keké, mas esbarrava na boa marcação dos visitantes.

Aos 15 minutos dos segundo tempo, o São José, depois de muito insistir, foi premiado. Keké tentou desviar na grande área e a bola acabou sobrando para Max, que mandou para o fundo da rede.

No entanto, aos 18 minutos, o Corinthians tratou de colocar fim no sonho do São José. Lukaian chutou forte na direção do gol, mas, sozinho na segunda trave, Danilo recebeu livre e conclui com perfeição para o gol. Cometendo muitas faltas, o São José ainda deu ao Corinthians dois tiros livres no fim do jogo, mas os visitantes não aproveitaram a oportunidade para ampliar.

Após o jogo, Danilo, um dos destaques da partida, reconheceu a boa atuação e garantiu que se existisse o ''Cartola FC'' na Liga Futsal, teria somado muitos pontos.

- Estourei no Cartola hoje. Se tivesse no futsal, estaria lá no topo (risos). Mas o que valeu mesmo foi o espírito guerreiro da equipe - brincou.